Aprenda a fazer maquiagem de bailarina ideal

maquiagem de bailarina
8 minutos para ler

Não é nenhum mistério que a maquiagem de bailarina é um acessório fundamental para montar um figurino incrível, que não só corrobora com o espetáculo, como também destaca os seus melhores atributos. Nesse sentido, uma make perfeita auxilia a definir os seus traços e realçar suas expressões faciais para que a apresentação fique ainda mais bonita.

Acontece que muitas dançarinas têm dificuldade em montar uma boa maquiagem, utilizando traços que não destacam suas melhores características. Se esse é o seu caso, não se preocupe! Neste artigo, trazemos as principais informações sobre a make de bailarina para você criar um figurino único e inesquecível. Confira!

Entenda a importância da maquiagem para composição da apresentação

Antes de iniciar as dicas práticas, é fundamental entender a importância da maquiagem para a sua apresentação. Afinal, de que adianta ter bons produtos se você não conhece o real motivo do espetáculo e como a sua make pode potencializar a beleza da dança? Pois é, como você já deve imaginar, realçar os seus melhores traços permite uma melhor visualização do público para suas expressões a cada movimento.

Nesse sentido, a plateia fica mais confortável e consegue aproveitar com muito mais tranquilidade a sua apresentação, encantando-se com cada passo e pirueta que você realiza. Além disso, a maquiagem também é capaz de completar o seu figurino e trazer à tona os sentimentos e emoção da personagem que você está montando.

Vamos pensar em um exemplo para facilitar? Imagine que você deve realizar uma apresentação dramática, com movimentos cravados e uma sutileza quase imperceptível. Provavelmente, uma make clara e com pouca iluminação não ajudaria a montar o cenário intenso que a sua dança deve proporcionar.

Conheça dicas e técnicas para maquiagem de bailarinas

Agora que você já sabe a razão pela qual a maquiagem é a peça-chave para as bailarinas, está na hora de conhecer as melhores dicas e técnicas para fazer aquela make que suscita fortes emoções no público e auxilia você a manter-se no personagem em todos os movimentos.

Para ajudar, separamos diversas dicas a seguir que orientam a construção de um passo a passo para realçar seus melhores traços. Acompanhe!

Utilize produtos de qualidade

A primeira dica, com certeza, é a mais importante, afinal, optar por produtos de alta qualidade que garantem boa durabilidade é fundamental para evitar manchas antes, durante e depois da dança. O ideal é que todos sejam a prova d’água para que o suor e a umidade não sejam grandes problemas ao longo da apresentação.

Além disso, outra dica interessante é encontrar aqueles produtos que são específicos para o seu tipo de pele. Isso vai além da tonalidade certa: cada cútis demonstra uma característica específica, fazendo com que cada make seja produzida com base em um tipo de derme.

Para finalizar, não deixe de utilizar protetor solar e hidratante facial diariamente, combinado? Essa pequena atitude promove uma pele muito mais saudável e preparada para receber a maquiagem. De quebra, você a mantém protegida do sol, das radiações ultravioletas e do suor, otimizando a duração dos produtos aplicados.

Faça uma fixação perfeita

Escolheu os melhores produtos? Excelente, agora é hora de preparar a cútis para recebê-los. Depois de realizar a sua limpeza facial com o sabonete típico para a sua cútis e aplicar um bom hidratante, é fundamental utilizar um primer para suavizar os poros e deixar a pele com uma textura uniforme e aveludada.

Em seguida, você pode — e deve! — aplicar um fixador de sombras nas pálpebras depois que a pele estiver seca, isso ajudará a manter as tonalidades vivas por mais tempo, mesmo com o suor e o desgaste da atividade física. Vale lembrar a importância de aplicar um fixador geral quando a make já estiver pronta, para ter uma garantia extra, ok?

Aplique o corretivo e pó corretamente

O corretivo é um dos melhores amigos de uma maquiagem perfeita, mas o que muitas pessoas não sabem é que ele também pode ser um grande inimigo quando utilizado da forma errada. Além de deixar a pele quebradiça, quando ele não é aplicado corretamente, pode realçar algumas imperfeições e promover diferentes tonalidades na sua face.

Mas, então, como aplicá-lo da maneira certa? Depois de passar a base por toda a superfície da pele, observe se algum ponto ficou mais escuro e precisa de uma camada extra para camuflar as imperfeições. Caso exista alguma região que demanda esse tipo de ajuste, você aplica o corretivo — de preferência com uma tonalidade mais clara do que a sua derme.

Assim, basta colocar pequenas gotas ou passar o bastão na área, espalhando o produto com a ajuda de um pincel, esponja ou dedo anelar, caso não tenha os outros utensílios. Logo após, você precisa aplicar o pó compacto para suavizar a base e o corretivo, e uniformizar o rosto, pescoço e colo.

Faça um bom contorno

Você com certeza já deve ter ouvido falar nos contornos, não é mesmo? Uma das maiores tendências do universo fashion, essa técnica de maquiagem conquistou o coração de muitos profissionais e amadores já que realça as características facilmente com apenas um truque: a aplicação do blush.

Atualmente, existem diversas formas de aplicá-lo com base na técnica dos contornos, mas separamos duas que são práticas, fáceis e apresentam resultados incríveis. Confira:

  • para rostos alongados: com a ajuda de um pincel transversal, aplique o blush em movimentos circulares nas maçãs do rosto;
  • para rostos redondos: também com um pincel transversal, passe o produto nas maçãs do rosto em movimentos diagonais, ajustando a linha aos seus lábios.

Combine cores e sombras

Com a pele toda pronta, chegou a hora de voltar a sua atenção para as sombras, aquela parte da make que realmente completa o figurino. Aqui, é fundamental destacar seus olhos para que o público consiga interpretar o seu olhar e identificar suas expressões com mais facilidade, deixando a dança mais bonita e coesa.

Para isso, que tal investir em um jogo de sombras? É muito simples: enquanto que as cores claras auxiliam na iluminação, as escuras promovem a sensação de profundidade. É por isso que muitas bailarinas optam por construir um leve degrade, com as tonalidades mais escuras no lado externo da pálpebra e as mais claras na área interna.

Lembre-se, no entanto, de escolher uma cor que complete seu figurino e, é claro, a intensidade da dança. Isso quer dizer que se as tonalidades da sua roupa forem azuis e a apresentação busca a dramatização, esfumar os olhos com cinza cintilante e azul-escuro é uma excelente alternativa para dar continuidade ao look.

Além disso, não deixe de utilizar um delineador para dar profundidade na make, cílios postiços e um lápis de olho preto para a parte externa da pálpebra. Cada um desses elementos fornece um olhar cativante, sutil e perfeito para qualquer apresentação.

Descubra exemplos de makes usadas em apresentações de ballet

Você sabia que uma excelente forma de potencializar sua inspiração e montar uma make perfeita é pesquisando referências na internet? Com a alta tecnologia, você pode encontrar uma série de exemplos de maquiagens que foram utilizadas em apresentações reais e podem ser adaptadas ao seu evento.

Para isso, não deixe de pesquisar em sites como: Pinterest, Google Imagens, Tumblr, We Heart It e até mesmo o Instagram. Cada um desses aplicativos oferece uma enorme base de figuras que podem ajudar você a se inspirar e criar a make perfeita para o seu rosto e, é claro, sua dança.

Você percebe como fazer uma maquiagem de bailarina não precisa ser um grande desafio? Escolhendo os melhores produtos, fazendo uma boa fixação, optando pelas melhores técnicas de contorno e combinando as cores e sombras para destacar seus olhos, você consegue montar uma make perfeita que proporciona continuidade ao figurino e garante um excelente espetáculo.

E então, gostou das nossas dicas? Aproveite para continuar a sua leitura e descubra quais são os benefícios da dança para a mente!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-